AMAR O SEU PRÓXIMO: Cinco dicas para conquistar essa dádiva

Jesus nos ama. Amor é o assunto central da Bíblia, pois Deus é o próprio amor. Por esse motivo, você precisa amar o seu próximo de todo o coração.

O amor é à base de um relacionamento saudável e duradouro. Observe bem o que a Bíblia diz sobre o amor:

“O amor é paciente, o amor é bondoso. Não inveja, não se vangloria não se orgulha. Não maltrata, não procura seus interesses, não se ira facilmente, não guarda rancor. O amor não se alegra com a injustiça, mas se regojiza com a verdade. Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.”

1 Coríntios 13:4-7

Assista em nosso canal do YouTube um vídeo que falamos sobre o tema Aprenda a AMAR O SEU PRÓXIMO – Cinco dicas para conquistar essa dádiva, está muito interessante.

Agora Vamos conferir as cinco dicas para aprendermos a amar o seu próximo

Antes de começarmos a ler essas maravilhosas dicas quero lhe apresentar dois artigos muito interessante que publicamos em nosso blog, o primeiro é Como Interpretar a Bíblia de forma clara e objetiva e o segundo é Como Memorizar versículos Bíblicos de forma simples.

Esses dois artigos irá certamente edificar a sua vida de forma sobrenatural. Agora vamos as dicas.

ame o seu próximo com todo o seu coração e entendimento

PRIMEIRO: O AMOR ACEITA O PRÓXIMO

“Deus não enviou o seu Filho ao mundo para condená-lo, mas para salvá-lo.”

João  3:17

Uma das coisas mais difíceis no amor é conciliar sentimento com razão. E você sabe por quê? Porque o amor aceita pacificamente mas, a razão decide se concorda ou não com os fatos acontecidos.

O amor não escolhe, não julga, entretanto a razão analisa comportamentos e falhas, dando o seu parecer sobre a ocasião.

Esse conflito feroz entre o amor e a razão nos deixam confusos é nessa batalha alguém irá vencer.

Acreditamos que aceitamos a Cristo, mas na verdade foi Ele quem nos aceitou primeiro. Mesmo com nossos erros, inúmeros por sinal, Ele nos deu uma nova chance de sermos transformados pelo seu amor. 

“Todo o que o Pai me der virá a mim, e quem vier a mim eu jamais rejeitarei.”

João 6:37

Algumas pessoas se esforçam tanto para serem aceitos, mas a grande questão é que você não precisa disso para ser amado ou aceito, Deus te aceita como você é!

O fato de Deus te amar implicar que você também pode se amar, quando você se ama, se aceita, gosta de você do jeito que você é, você está preparado para seguir o segundo mandamento de Deus.

Respondeu Jesus: ” ‘Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento’. Este é o primeiro e maior mandamento. E o segundo é semelhante a ele: ‘Ame o seu próximo como a si mesmo’.

Mateus 22:37-39

Você só poderá cumpri o segundo mandamento se você se amar infinitamente, pois se, você não se ama, como poderá da amor a outra pessoa?

SEGUNDO: O AMOR NÃO PROCURA MUDAR AS PESSOAS

Nós somos o resultado do meio. Isso é o resultado de como reagimos às influências, de como recebemos a educação e de que maneira iremos nos deixar influenciar por ela.

Podemos ter hábitos bons e ruins e, não raras vezes, queremos mudar os hábitos na vida do outro, porém não temos a real capacidade de mudar as pessoas, só Deus pode fazer isso!

Você gostaria de mudar seu cônjuge, seus amigos ou seus irmãos em Cristo?

Evitamos uma grande parte do estresse diário ao não nos concentrarmos em mudar o outro.

Pense bem, Jesus escolheu agir com amor. O amor verdadeiro é o amor que aceita o outro.

“Portanto, aceitem-se uns aos outros, da mesma forma como Cristo os aceitou, a fim de que vocês glorifiquem a Deus.”

Romanos 15:7

TERCEIRO: O AMOR NUNCA ABANDONA

Ao ler os evangelhos, podemos observar que Jesus, mesmo sofrendo a agonia da morte, amou tanto que perdoou os seus malfeitores, dizendo:

“Pai, perdoa-lhes, porque não sabem o que fazem”.

Lucas 23:34

Não foi assim que ele fez? E você, tem feito o mesmo? Tem perdoado os seus ofensores?  Veja mais um ensinamento de Jesus:

“Não julguem e vocês não serão julgados. Não condenem e não serão condenados. Perdoem e serão perdoados.”

Lucas 6:37

Jesus não guarda rancores, Ele perdoa. O amor verdadeiro é o amor que não julga, mas oferece o perdão. Além de perdoar precisamos amar o nosso próximo incondicionalmente.

Sabemos que não é nada fácil conceder o perdão a quem nos ofendeu, nos humilhou e nos maltratou, mas creio que, por meio da oração, o Espírito Santo vai te dar forças para decidir perdoar e não julgar.

Aviso muito importante!!!

Se você canta, toca ou tem esse sonho de tocar lindos louvores para nosso senhor deixaremos aqui dois artigos especiais: O primeiro fala de um Curso de Violão para Igrejas e o segundo fala de Um Curso de Teclado para Igrejas, vale a pena da uma olhada nos artigos.

QUARTO:  O AMOR ACREDITA NAS PESSOAS

“Jesus perguntou ao pai do menino: ‘Há quanto tempo ele está assim?’ ‘Desde a infância’, respondeu ele […] ‘Mas, se podes fazer alguma coisa, tem compaixão de nós e ajuda-nos.’ ‘Se podes?’, disse Jesus. ‘Tudo é possível àquele que crê.’’

Marcos 9:21-23

Meu amigo(a), uma das melhores maneiras de demonstrar amor é acreditando nas pessoas.

Jesus acredita mais em nós do que nós mesmos. O que seria de nós sem a Fé em Jesus? Eu sei que existem muitas pessoas que sofreram abusos e assédios em sua vida. Talvez esse seja o seu caso.

E pessoas feridas também ferem! Geralmente as pessoas oferecem o que recebem.

Nos dias atuais, muitos convivem com a autoestima baixa, insegurança, etc. Isso acontece mesmo entre as pessoas bem-sucedidas. 

Aprenda a confiar, peça para Jesus curar as suas mágoas e a falta de confiança que está no seu coração. Qualidades assim você só encontrará no amor de Deus! 

“Portanto, se alguém está em Cristo, é nova criação. As coisas antigas já passaram; eis que surgiram coisas novas!”

2 Coríntios 5:17

QUINTO: O AMOR NUNCA FALHA E PERMANECE PARA SEMPRE

O amor tudo suporta, é esperançoso, é paciente, nunca falha! Tudo pode passar, mas o amor permanece.

“Assim, permanecem agora estes três: a fé, a esperança e o amor. O maior deles, porém, é o amor.”

1 Coríntios 13:13

Você já imaginou a arma poderosa que é o amor? Jesus ensinou dizendo:

“Como o Pai me amou, assim eu os amei; permaneçam no meu amor.” João 15:9

Por esse amor, fomos adotados, segundo a boa e perfeita vontade do Pai. O que havíamos feito para que Ele nos amasse?

Penso que, absolutamente, nada; pelo contrário, éramos rebeldes, cheios de ira e pecados, mas, mesmo assim, Ele nos escolheu e nos amou. 

“Em amor nos predestinou para sermos adotados como filhos, por meio de Jesus Cristo, conforme o bom propósito da sua vontade.”

Efésios 1:5

Aqueles que vivem o amor de Deus aprendem a amar o seu próximo como Jesus amou!

https://www.youtube.com/watch?v=s5Z9ZAl3UDg&feature=youtu.be

Não esqueça de comentar, nos seguir em nossas redes sociais e compartilhar em seus grupos e com os seus amigos..

Lhe desejamos Graça e Paz

Artigo Princípios Bíblicos

Dois princípios que fará você mudar de vida em 2021

Ansiedade: 7 coisas que a Palavra de Deus nos diz para sermos curados

Libertação espiritual: quebra de cativeiros e cura das feridas emocionais

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *